DSC_0242

Piombaia Rossi Cantini

Foi preciosa esta aproximação ao mundo mais desconhecido dos Brunellos de Montalcino, através deste pequeno projecto familiar que faz questão de marcar a diferença pela autenticidade dos seus vinhos. Os cuidados na produção, o respeito pelo terroir e um grande sentido de responsabilidade por fazerem vinho numa das mais mediáticas regiões do mundo, fazem de Piombaia uma marca a descobrir e um ponto de paragem obrigatório numa próxima ida à Toscânia.

Read More
DSC_0038

1300 Taberna (Lisboa)

Já sentados à mesa, os pratos do menu degustação (29,50€) começaram a chegar a bom ritmo. Foram 8 pratos que nos mostraram o nível da cozinha que Nuno Barros está a praticar neste momento. A criatividade e imaginação que eram uma bandeira da 2780 Taberna mantêm-se, mas agora sustentadas por uma cozinha mais adulta, menos experimental, onde a qualidade e a frescura dos produtos, preferencialmente nacionais, assumem um papel preponderante.

Read More
DSC_0056

Peixe ó Balcão

A cozinha desta Taberna assenta num receituário tradicional revisitado com criatividade, a partir de produtos frescos e respeitando a sua sazonalidade. Uma formula agora transposta para este novo Peixe ó Balcão, que como o próprio nome indica tem no mar a sua inspiração. Das sopas aos pratos principais, passando pelas saladas e pelos petiscos, esta é uma carta que pretende trazer o Ribatejo à mesa dos lisboetas através de uma abordagem mais simples, mais à imagem do conceito food court.

Read More
Clos Vougeot Domaine des Varoilles

Clos Vougeot Grand Cru Domaine des Varoilles 1985

Clos Vougeot é umas das mais emblemáticas vinhas do mundo e a maior Grand Cru da Borgonha. Este produtor, que não conhecia, detém menos de 1 (um) hectare de uvas Pinot Noir nesta vinha, que são utilizadas na produção deste vinho. Não conheço os grandes Borgonhas assim tão bem para dizer que este seja um deles, mas não tenho duvidas que estamos perante um vinho extraordinário.

Read More
combinado tradicional

Sushic Mercado

Agora, com a abertura do renovado Mercado de Algés (oh não, ainda há sites com música!), os visitantes deste novo espaço vão poder ter acesso à carta do reconhecido restaurante de Almada, aqui numa abordagem mais simples. Tempuras, latinhas de ceviche ou tártaros, temakis, makis e obviamente, os combinados de sushi e sashimi, perfazem a oferta da cozinha do Sushic Mercado, liderada pelo Chef Mário Ribeiro.

Read More
DSC_0095

2014 para a José Maria da Fonseca

Foi com este mote que Domingos Soares Franco, vice-presidente e director de enologia da José Maria da Fonseca, dirigiu a prova de brancos e rosés da colheita de 2014 que teve lugar na By the Wine, ao Chiado, Lisboa. Antes de dar início à mesma, enquadrou o momento com as condições que encontrou nesta vindima, que considerou a melhor colheita de brancos que já trabalhou.

Read More
DSC_0113

Quinta da Tapada do Barro Reserva Tinto 2010

Das poucas informações que consegui recolher, sei que vem de Vila Nova de Tázem, do tal Dão Serrano, o produtor é António Silva Viana e o vinho é um lote de Touriga Nacional, Jaen e Tinta Roriz. Sobre a enologia nada sei, não faço ideia quem seja o responsável. Custou-me cerca de 6€ e sei que aparece pelos Intermarché lá da zona. Um achado, que agradeço me terem feito chegar às mãos.

Read More
IMG_20150713_085722

Prova dos 7 no Joe Best

Estávamos no início de 2011 e apesar de não ter sido assim há tanto tempo, não deixava de ser uma ideia meio louca querer implementar um Supperclub em Sintra, ou um conceito de “Chef em sua casa” (sem ser um chef mediático com programa de tv), ou ainda um conjunto de outros serviços cada um mais arrojado que o outro, tudo isto sustentado pela forte presença que detinha nas redes sociais. Lembro-me de na altura não ter achado a ideia assim tão disparatada e de lhe ter dito que fazia todo o sentido um projecto do género, se não fosse ele, mais cedo ou mais tarde seria outro.

Read More
DSC_0044

Chicken All Around – Miguel Laffan

Conquistar uma estrela no guia Michelin é um momento único na vida de um cozinheiro. Apesar de todas as polémicas à volta do guia vermelho, com as tão propaladas surpresas e injustiças, é um prémio que vem trazer o reconhecimento a nível global, do trabalho muito duro e quase sempre invisível, que um chef e a sua equipa desempenham dentro da cozinha. E abre a porta e o espírito para novos projectos, novas abordagens, novas criações.

Read More