Douro Superior

DSC_0052

Quinta de Ervamoira

DSC_0140

José Maria Soares Franco, uma figura incontornável dos vinhos do Douro. Aqui na Quinta de Castelo Melhor, a falar do seu projecto Duorum.

DSC_0167

DSC_0170

A Dona Dina e as amêndoas cobertas de Moncorvo.

DSC_0174

DSC_0179

DSC_0189

DSC_0198

DSC_0214

DSC_0200

O vinho e as gentes no 4º Festival de Vinho do Douro Superior.

DSC_0236

Adega da Quinta da Saudade, onde nascem os vinhos Palato do Côa.

DSC_0292

As vinhas da Quinta da Leda com o Douro ao fundo.

Uma boa altura para descobrir a região do Douro Superior é no final de Maio por ocasião do Festival de Vinho do Douro Superior. Os dias ainda não estão muito quentes e as noites já não são tão frias, o que convida a passeios pela região à descoberta do melhor que esta tem para oferecer. O vinho, o azeite e a amêndoa, são três produtos centrais desta região e através deles conseguimos um retrato das paisagens, das gentes e dos costumes do Douro Superior.

O Festival de Vinho do Douro Superior, que ocorre em Vila Nova de Foz Côa, no pavilhão da Expocôa, é o lugar ideal para descobrir os melhores vinhos e sabores que se produzem nesta sub-região do Douro. Com mais de setenta expositores e com um programa onde se incluem provas especiais comentadas de vinhos e azeites, o colóquio “Vinho e Turismo no Douro Superior” e concertos de música, este é um evento de entrada gratuita, onde através de um copo disponibilizado à entrada (2€) é possível provar os muitos vinhos expostos. Com muitos produtores regionais, ilustres desconhecidos para quem vem de fora, esta é também uma boa oportunidade para quem vem à descoberta de novos vinhos e produtores.

Paralelo ao evento decorre o Concurso de Vinhos do Douro Superior que este ano teve como vencedores o branco Bons Ares 2013, o tinto Duorum Vinhas Velhas 2012 e o Porto Vintage 2005 da Quinta de Ervamoira.

Apesar de ainda haver muito a fazer pelo turismo da região, não deixa de ser apelativo, principalmente para quem gosta de vinho, fazer uma viagem à descoberta do Douro Superior. Aqui estão localizadas algumas das mais emblemáticas quintas produtoras de vinho em Portugal, envolvidas por dois patrimónios mundiais, a paisagem deslumbrante do Douro vinhateiro e as gravuras rupestres do Vale do Côa. Um paraíso aqui tão perto.

 

 

 

 

3 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *