Mafarrico Branco 2015

É na Wines que encontro estas pérolas. Parabéns à Wines.

Porque me proporciona beber estes vinhos fantásticos, mas também porque, quatro anos cumpridos (no passado sábado), mostra ao formatado sector do vinho que é possível triunfar sem seguir pelo caminho mais fácil.

Há espaço para os nossos sonhos. Para a autenticidade. Para a forma apaixonada como olhamos para o vinho. Da desconfiança inicial de todos, com tanto Dão e Bairrada e tão pouco Douro e Alentejo, à certeza de um projecto gerido por gente apaixonada, que por mérito próprio conseguiu o seu espaço no competitivo mundo das garrafeiras. Que continuem assim, os consumidores esclarecidos agradecem.

Em relação ao vinho já por aqui elogiei o tinto, hoje é a vez do branco.

Vinhas velhas do Baixo Corgo, produzido por Álvaro Martinho Lopes no seu projecto pessoal extra Real Companhia Velha. Aroma contido, a fruta branca e citrinos, num perfil untuoso, com volume, equilibrado por uma excelente acidez e um ligeiro fundo mineral. É um exemplo de um bom branco duriense, fiel à região, sem maquilhagens e a um preço ajustado. Eu gostei.

 

Mafarrico Branco 2015
Produzido por Álvaro Martinho Lopes
Enologia de Jorge Moreira
Vinhas velhas com várias castas misturadas
Sem estágio em barrica
12,5º de volume de álcool
Cerca de 8€ em garrafeiras especializadas
16 pontos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *